Eliminar peso - por onde começar - parte 1

segunda-feira, 3 de agosto de 2015




Aconteceu comigo, ainda está acontecendo e provavelmente, acontece com você.
As pessoas olham sua barriga, que teima em pular para fora da calça jeans, ou olham seus braços mais gordinhos, ou no fazem comentários sobre seu rosto... e até perguntam, por que você está inchada?... 
São os outros ou você mesma que começa a não "ter mais roupa", a ouvir na lojas "acho que não tem seu número"... lembro uma vez, que escolhi várias roupas e entrei na cabine para experimentar, e simplesmente , nenhuma roupa entrou...ali diante daquele espelho que mostra tudo, cada gordura, cada celulite, e a barriga parece muito maior, eu sentei num pequeno banco, e chorei.
Na hora de devolver as roupas, a moça perguntou: "vai levar alguma? " e pra disfarçar eu peguei aleatoriamente algumas peças, largando-as no primeiro cabide que vi.
Daí em diante, parece que todo mundo tinha visto aquela cena.
Aí começou.
Cada um me dava um conselho, 
que ia dos chás a remédios para emagrecer,
Eu passei a odiar tirar fotos, minha barriga aparecia enorme.
Eu coloquei algumas delas
Dietas loucas que me faziam passar mal,
Exercícios 
E todo estresse, só me fazia comer mais, me odiar mais e ter mais vergonha, porque eu não conseguia emagrecer... deixei de ir a lugares, me escondia por trás de roupas largas e feias e ninguém desconfiava.
Tomei remédios e a sibutramina me deixava louca, depressiva, agitada,sem noção de nada, ainda por cima, estou numa fase em que estou usando aparelho e sem dinheiro para fazer lentes de contato.
Esse blog existe, e eu tentei fazer tudo o que podia, mas falhei, engordava e emagrecia, tinha vergonha de postar meu peso, indo e voltando.
Só que é dessa vez!
Eu sei, que caminho fazer.
Eu sei como quero mudar.
Eu sei que não quero mais as pessoas rindo, porque eu machuquei o pé e eu disse:
"não tem problema, ele me leva no  colo" e todo mundo começar a rir, sabe como eu li isso:
Esse homem, não consegue levar você baleia!
Sim, eu apaguei todos os meus outros posts, era necessário, para reescrever uma nova história.
Quer vir comigo ?

Vicio por comida

SUPERE SEUS VÍCIOS 
Priscilla C.Criivellaro Nutricionista – CRN3 28.693

Alguns alimentos despertam desejos incontroláveis. Entenda porque e aprenda a resistir: 
CAFÉ – Em doses moderadas, a cafeína até reduz a dor de cabeça e melhora o raciocínio. Em excesso, gera nervosismo, insônia, agrava a gastrite e leva a dependência química. Limite saudável? 4-6 xícaras por dia. 

GORDURA– Os alimentos gordurosos provocam menor distensão das paredes do estômago, o que adia a sensação de saciedade por isso aquela história do "impossível comer um só". Para algumas pessoas, que têm o paladar aguçado para gorduras, parar é ainda mais difícil, mas não é impossível controlar. Limite saudável? 30% do cardápio devem conter gorduras boas como o azeite, as castanhas e as carnes brancas, fritura nada mais que uma vez por semana. 
REFRIGERANTE – A compulsão por refrigerante está ligada à sensação de frescor e – no caso dos normais – ao excesso de açúcar. Limite saudável? Diminua gradativamente o consumo para que haja a mudança correta em seu hábito alimentar e se possível substitua por suco de fruta natural ou industrializado, apenas cuidado com a quantidade de açúcar e sódio neles presentes. Que tal deixar o refri apenas para as festas? 

CHOCOLATE – "Só consigo pensar depois de comer um" Isso se deve ao estimulo que o chocolate promove na produção de serotonina, sendo ela a responsável pela sensação de bem-estar. Por outro lado quase todos os chocolates contêm grandes quantidades de açúcar e gordura então o exagero é ganho de peso na certa. Limite saudável da gostosura? 30g por dia, de preferência do tipo meio amargo ou melhor ainda, com mais de 70% de cacau. 
 

Por uma vida mais leve Copyright © 2013 Design by Cali Criativa